terça-feira, 31 de julho de 2007

Festa M80 - Bar do Guincho - 28/07/2007

Realizou-se no passado Sábado, 28 de Julho, a festa da M80 no Bar do Guincho, Cascais. Para quem não saiba a M80 é uma rádio do Grupo Média Capital, recentemente criada e com o objectivo de divulgar a música das décadas de 70, 80 e 90, embora a fatia maior do bolo vá para os Anos 80. Na zona de Lisboa pode sintonizar-se na frequência 96.6 FM. Tratou-se da segunda festa realizada, a primeira realizou-se a 23 de Junho. A próxima está prevista para 8 de Setembro. O enquadramento geográfico do Bar do Guincho é excelente, facto que, aliado ao bom tempo (apesar do vento forte), proporcionou uma grandiosa festa revivalista, prova de que a música da década de 80 está na moda, com bastantes adeptos de todas as faixas etárias. Fiquei bastante surpreendido com o número de pessoas com idades a rondar os 20 anos. A malta mais " cota " teve a oportunidade de tirar a barriga de misérias, aproveitando ao máximo todos os minutos da festa ao dançar ao som das músicas da sua juventude. Tirando as discotecas Plateau em Lisboa, o 2001 no Autódromo do Estoril e um ou outro bar, a oferta peca pela escassez. Um apecto bastante positivo foi a passagem de alguns videoclips nos vários ecrãs dispostos pelo recinto, permitindo, simultaneamente, ver e dançar a música que se ouvia. Apesar do balanço positivo, há a considerar o seguinte:
  • Espaço sobrelotado - Maior controlo nas entradas e uma melhor selecção dos clientes (consumo mínimo de 5,00 €, por exemplo) proporcionaria mais conforto e afastaria clientela menos recomendável, mesmo assim, pouco expressiva no passado Sábado.
  • Falhas técnicas - Com mais frequência do que seria desejável, houve falhas ao nível do som, por diversas vezes interrompido. Outro aspecto incomodativo foram os frequentes jingles da M80 entre as músicas, dispensáveis. Penso que todos os presentes sabiam que se tratava de uma festa organizada por aquela estação de rádio. A publicidade " visual " relativa à mesma era abundante.
  • Tempo de espera excessivo nos bares - Não se conseguia uma bebida sem, pelo menos, esperarmos 15 a 20 minutos, no mínimo! Este aspecto vem na sequência do primeiro. A sobrelotação do espaço diminuiu a capacidade de resposta das estrututas de apoio. Mesmo com menos gente presente, a oferta dos bares estaria aquém da procura.

Avaliação geral da festa - 3,5 em 5!

6 comentários:

Rodrigues disse...

Caro amigo estou a ver que voltastes as lides ciberneticas, espero que voltes com a mesma força para divulgar a musica neste excelente cantinho.
Bem agora vou dizer-te que tou chateado é claro que estou chateado, então não dizes nada? podias ter divulgado mais isto...
Bem falaste no plateu que está sempre lotado, esquecestes-te das 1ª sexta feira do mês no bauhaus sempre lotadas e referiste o meu querido 2001 está a ficar assim, que está sempre cheio, já desde há uns meses , acho amigo, que os anos 80 estão a regressar a baila.

abraços

BV disse...

Amigo Rodrigues, de certa forma tens razão, aqui ficam as minhas desculpas! Temos a próxima festa no início de Setembro e havemos de estar presentes. Convidei o amigo Cristóvão e queres saber qual foi a resposta dele? - Essa festa não tem muito a ver comigo! Nem perguntei a mais ninguém se queria ir, depois do João Miguel e do João Paulo também me dizerem que não podiam ir. Como a Inês e a Natália já me tinham dito que iam, metemo-nos no carro e seguimos para Cascais...

NDias disse...

Adorei a noite ;-) Fez-me recordar as noites na Ericeira, em que no White Horse ou no Big Waves curtia à brava sons que me trazem à memória a minha não muito longinqua infância :) Depois as companhias não podiam ser melhores...dois comparsas à altura de uma noite revivalista como esta.
Quem sabe se não estaremos lá novamente na próxima!!!Eu alinhava. Quanto aos aspectos menos positivos como demora no bar ou a quantidade de pessoal a mais...CONCORDO!!! Um pouco de selecção não faz mal a ninguem.

Bjs e até breve

BV disse...

Olá Inês,

Bem-vinda ao Eléctrico 80!:) Espero que vás aparecendo e dando as tuas opiniões. Vou procurar fazer artigos interessantes que não dêm a ideia de que o meu blog é só velharias lolol.
De resto, só tenho de te agradecer pela comentário que deixaste, muito de acordo com o que passou. Certamente estaremos lá da próxima vez...

Bjs***

zeph disse...

a M80 não é uma radio criada pela Media Capital. É uma radio que já existe em Espanha (pelo menos) propriedade do grupo Prisa que recentemente adquiriu a Media Capital.
O que tenta é com esse projecto ganhar publico à RFM. Mas eu acho que uma coisa é o mercado espanhol, outra o portugues e os gostos até são um pouco diferentes.

BV disse...

Caro Zeph,
Bem-vindo ao Eléctrico 80!:)
Relativamente à M80 eu falei que se tratava de uma rádio do Grupo Média Capital e não criada pelo mesmo grupo. Quando no artigo referi " criada " quis tão somente dizer " surgida ". É claro que se a Média Capital é detida pelo Grupo Prisa a M80 há-de pertencer a este, sendo natural que exista também em Espanha. Aliás, penso que o " logo " que retirei é espanhol. Apesar de tratar-se de um formato importado, penso que tem em conta algumas especificidades (digo gostos) dos ouvintes portugueses.
Volte sempre...